Escolha uma Página

Concebido em terras catalãs.
Criado em solo carioca.

Barcelona, onde tudo começou

O Estúdio Pinzon17 tem sua origem em Barcelona, na Espanha, quando em 2008 o designer gráfico Marcello Cavalcanti abriu seu escritório por lá, depois de alguns anos formado pela PUC-RJ e já atuando no mercado.

O objetivo era claro: conhecer o mercado de design europeu. 
Pinzon era o nome da rua onde Marcello morou e, por 13 meses, conheceu bastante gente interessante, vivenciou a emotiva e conturbada sociedade catalã, trabalhou para agências de publicidade, rodou o continente europeu e voltou de lá trazendo, além de toda essa bagagem cultural, um sócio para prosperar o estúdio em solo carioca: André Carreira, designer carioca que completava sua formação com um master em desenvolvimento de marca na Elisava, consagrada faculdade em Barcelona.

De volta ao Rio

A sociedade foi um sucesso, emplacando projetos irreverentes, coloridos, consistentes e cheios de referências às culturas de lá, e claro, de cá.

O escritório no relaxante bairro da Gávea, literalmente no meio da mata, não parava de fervilhar, e, foi durante o lançamento da disputadíssima camisa P17 Canarinho, para a copa de 2010, que eles receberam mais um designer, Marco Alonso, recém saído da Tapioca  Comunicação, e louco para juntar suas ideias às deles.

A bucólica Urca

O estúdio precisava crescer. Nada melhor do que mudar de endereço, conhecer gente nova, juntar-se a outros designers, multiplicar conhecimento e oportunidades. Foi ai que surgiu a bucólica Urca na vida dos Pinzones. Mudaram-se de mala e cuia para um espaço maior, aos pés do Pão de Açúcar, o grupo Transforma Design. O time ficou redondo, concebendo cada vez mais projetos gráficos online/offline, e fazendo parcerias com escritórios como Flavia Secioso, Thomas Manss & Co e Angela Carvalho para criar o Design na Praça, um evento de democratização do design para o público em geral, realizado anualmente com esforços próprios em plena praça Cacilda Becker, na Urca.

A Vila do Largo

Após 2 incríveis anos na Urca, era hora de se re-inventar. Afinal de contas, a criatividade pulsa por aqui e não conseguimos ficar parados! Fomos participar de outra comunidade de designers, a Casa19, na sensacional Vila do Largo, em pleno Largo do Machado. A Prime Design (atual Fubbá) nos recebeu de braços abertos, e trouxemos junto o pessoal da Thomas Manss para este time afiado. Hoje, além da Fubbá, é a galera da Plau quem divide a casa conosco.

Ser um Pinzon é mais do que ter um trabalho, é mais do que realizar projetos de design. Ser um Pinzon é fazer parte de uma cultura que valoriza o design como agente comunicador, facilitador e transformador da sociedade, sempre de forma simples, lúdica, objetiva e muito criativa.

Nós somos o estúdio Pinzon17.